quarta-feira, 4 de junho de 2008

Os três ducados

Era uma vez um homem como todos nós, nem melhor nem pior, um pobre pecador. E estava sendo conduzido à forca da cidade de Toulouse.

Ora, passava por Toulouse o rei René com sua esposa. A rainha viu o condenado já empoleirado no banco, com a cabeça enlaçada pela corda. Não pôde conter um grito, e escondeu o rosto entre as mãos.

O rei deteve a todos, e voltando-se para os cônsules, disse: "Senhores magistrados, a rainha vos pede conceder a esse homem o perdão".

Os cônsules responderam: "Senhor, este homem cometeu um crime para o qual não há perdão...

Leia a lenda dos três ducados e seu ensinamento

Desejaria receber atualizações gratuitas de "Glória da Idade Média" em meu email



AS CRUZADASCASTELOS MEDIEVAISCATEDRAIS MEDIEVAISHERÓIS MEDIEVAISORAÇÕES E MILAGRES MEDIEVAISCONTOS E LENDAS DA ERA MEDIEVALA CIDADE MEDIEVALJOIAS E SIMBOLOS MEDIEVAIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.